GOSTOU DA PEQUENA AMOSTRA QUER COMPRAR

Pesquisar este blog

sábado, maio 14, 2011

O AMOR QUE TIVE

Tinha os olhos negros,
Como a escuridão da noite,
Tinha a boca vermelha,
Gostosa como um acoite,
O amor que tive,
Tinha os lábios carmim,
E olha pra mim de um jeito assim.
O amor que tive,
Era como um passarinho,
Um dia vôo alto e deixou o seu ninho.
O amor que tive,
Tinha os braços fortes
E me pegava suave,
O amor que tive,
Tinha asas e vôo como ave.
A procura do infinito,
E era um amor tão puro,
Do mundo era o mais bonito.
O amor que tive.
Foi embora ainda prematuro.

Escrito em: dez/1981